Sob o tema "taste locally, publish globally" aconteceu na última semana no luxuoso Meadowood resort em Napa, a quarta edição do Simpósio para Escritores Profissionais de Vinho . O evento, inteiramente financiado por associações locais, foi direcionado a um público seleto de 30 escritores criteriosamente escolhidos.

Estavam presentes profissionais consagrados do meio como Hugh Johnson - autor do World Atlas of Wine que foi contar sobre seus "primeiros 50 anos", Mike Veseth - talentoso wine economist que sigo de perto que foi dar uma palestra sobre "como fazer uma fortuna escrevendo sobre os negócios do vinho" (clara paródia ao ditado de como se converter de bilionário a milionário nesse ramo), Eric Asimov, conceituado crítico do New York Times, dentre muitos outros. A bio completa dos palestrantes você encontra aqui.

A agenda era bem variada e repleta de assuntos interessantes. De "como publicar um livro, sem precisar de um publisher" a "desafios de um crítico: objetividade, originalidade e integridade",  passando por "como escolher as melhores imagens". Ao lado de palestras, sessões de coaching e debates, degustações dirigidas por Masters of Wine para entender o que é mineralidade no vinho e apresentações de safras exclusivas de ícones californianos. Agenda completa aqui.

Um evento como este é claro sinal de que saber contar uma boa história ao redor do vinho pode ser um próspero negócio, apesar das dificuldades em torná-lo rentável. Não por acaso, boa parte dos temas giravam em torno da viabilidade econômica da profissão. No entanto, é bastante evidente que reduzir a comunicação do vinho aos aspectos técnicos já não atrai mais tanta gente. Nossa indústria busca novos formatos para engajar com os seus consumidores.

Outro ponto que merece destaque é a homogeneidade dos participantes. Dos 30 bolsistas agraciados, apenas 4 vinham de fora da América do Norte. E não havia nenhum latino-americano ou asiático (alô China?). Um evento que se denomina global, deveria se preocupar em refletir a diversidade da nossa indústria.


Foto: Thomas Martinsen | Unsplash